AgronegóciosEditais - Eleições 2020EducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVagas de EmpregoVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
ALERTA

Campo Real lança Plano Solidário Emergencial de auxílio aos acadêmicos durante a pandemia de coronavírus

quarta-feira, 25 de março de 2020 - 09:34:00

Estamos passando por um problema em nível mundial, a pandemia do Coronavírus. Aos poucos, isso nos trouxe novos hábitos, formas de trabalhar, estudar, de se relacionar e até mesmo de pensar. Por isso, neste momento, cabe ao Centro Universitário Campo Real apresentar alternativas para que o impacto dessa pandemia não cause transtornos.

Vídeo do pronunciamento do reitor do Centro Universitário Campo Real, professor Edson Aires da Silva.

 

A primeira preocupação concentrou-se nas aulas e atividades por meio de metodologias diferenciadas, utilizando tecnologia e ambientes virtuais de aprendizagem, com os professores conduzindo as suas aulas em formato virtual. Dessa maneira, garantimos que o semestre letivo não será perdido, conseguindo assim finalizá-lo.

A segunda preocupação, visando contribuir com o esforço coletivo para enfrentar a pandemia e compreendendo as dificuldades da maioria dos acadêmicos e seus familiares, as mensalidades de maio, junho e julho serão postergadas para o final do curso, por meio do Plano Solidário Emergencial.

Para tanto, é preciso que o estudante:

·    Esteja regularmente matriculado na instituição e com as mensalidades de janeiro a abril quitadas;

·    Comprometa-se em assistir às aulas e desenvolver as atividades solicitadas;

·    De maneira voluntária e dentro de suas possibilidades, opte por adiar para o término do curso as mensalidades de maio, junho e julho de 2020. Para isso, é necessário entrar no Portal do Aluno, localizar o ícone do Plano Solidário Emergencial, ler e aceitar o termo de adesão.

Os acadêmicos que aderirem ao Plano Solidário Emergencial terão as mensalidades de maio, junho e julho alocadas para o final do curso.

A terceira preocupação está centrada naqueles estudantes que querem continuar pagando suas mensalidades ao decorrer dos meses de maio, junho e julho. Esses terão 20% de desconto na pontualidade, não precisando aderir ao Plano Solidário Emergencial.

 

 

COMENTÁRIOS